Subscribe:

Labels

domingo, 9 de agosto de 2015

UHC - Evangelismo no Desfile Cívico de 7 de Setembro/2015

UHC Realiza Trabalho Evangelístico no Desfile Cívico, e 4 pessoas aceitaram a Jesus como Salvador – 7 de setembro

O Desfile Cívico que reuniu Autoridades, Diretores de Colégios, Alunos e Educadores, neste ano de 2015 em Campina Grande, foi realizado na Av. Floriano Peixoto, como de outras vezes (Vídeo 07).
Desde as proximidades do Viaduto Elpídio de Almeida até as imediações do Teatro Municipal Severino Cabral, no Centro da Cidade, a multidão se aglomeravalimitada por cordas de contenção, formando um corredor gigante, para assistir ao grandioso evento de amor à pátria em 2015.
A União de Homens Congregacionais de nossa igreja tinha em sua Programação um Evangelismo no Desfile Cívico de 7 de Setembro de 2015.
A UHC foi representada por seu Presidente, o Diácono Oriedi Barbosa,pelo Secretário Givanilson Felix e pelo integrante da organização, o irmão João Batista, além do Presbítero Evaristo Júnior, que ali também falou a respeito do Senhor Jesus e fez o registro deste trabalho Evangelístico.
Foi realizado um excelente e frutífero trabalho de Evangelismo pessoal e,para a Glória do Senhor, quatro pessoas confessaram a Jesus como Salvador de suas vidas. Foram elas: o casal adolescente de namorados Erivaldo e Jéssica (na calçada da Reitoria), a senhora Vânia, que acompanhava seu pequeno filho Eudes (que se divertia na Praça Clementino Procópio), e a senhora Hilda, acompanhada de sua filha e de seu genro (na Pracinha defronte ao antigo Cine Capitólio) – Veja o 4º Grupo de Fotos abaixo. Outras dezenas de pessoas receberam folhetos e ouviram atentamente a Palavra de Deus.

Para que os irmãos tenham uma ideia mais ampla deste trabalho Evangelístico, vamos citar apenas dois fatos negativos com os quais nos deparamos: um senhor idoso, por demais lúcido, rejeitou um folheto que lhe foi oferecido, e saiu proferindo palavras impróprias, contestando a palavra de Deus; o outro fato ocorreu na Praça Clementino Procópio…,enquanto oferecíamos folheto a um hippie artesão, e ele recebeu – uma mulher que estava com ele, com uma imensa tatuagem no braço, rejeitou veementemente a palavra de Deus.
Entretanto, somado a este rentável trabalho, vários irmãos de nossa igreja, entre jovens e adolescentes, montaram um ponto de vendas de água mineral a deliciosos cremes de mousse, de vários sabores, na calçada próximo à antiga Telemar, em prol do Projeto Missionário, a ser realizado por eles, trazendo assim mais dinamismo ao Evento Cívico – Veja o 5º Grupo de Fotos abaixo.

Veja, a seguir, como se desenvolveu aquele marcante Evangelismo pessoal:

Integrantes da UHC – Campina Grande – Centro – presentes no Evangelismo

Acima, 1º Grupo de Fotos

   

Evangelismo pessoal no Desfile Cívico de 7 de setembro de 2015 

Acima, 2º Grupo de Fotos

Acima, 3º Grupo de Fotos

   

Pessoas que ouviram, entenderam e aceitaram a Jesus como Salvador

Acima, 4º Grupo de Fotos

   

Acima, 5º Grupo de Fotos

Assista abaixo, Vídeo do Desfile Cívico, evento paralelo ao Evangelismo, na Av. Floriano Peixoto

Com carinho, O Editor

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

“Ora, uma vez reedificado o muro e assentadas as portas, estabelecidos os porteiros, os cantores e os levitas (...) E lhes disse: não se abram as portas de Jerusalém até que o sol aqueça e, enquanto os guardas ainda estão ali, que se fechem as portas e se tranquem; ponham-se guardas dos moradores de Jerusalém, cada um no seu posto diante de sua casa”. (Neemias 7:1,3).

“Como os guardas colocados por Neemias para proteger suas casas, devemos resguardar nossas famílias dos males da sociedade pós-moderna”. 

Em muitas igrejas evangélicas, o período compreendido entre os dias das Mães e dos Pais é dedicado a uma reflexão mais profunda sobre a importância da família, É muito comum, nesse período, vermos congressos, seminários e palestras versando sobre essa temática. Entretanto, em nossa sociedade pós-moderna, a importância da família estruturada, típica (pai, mãe e filhos), unida e espiritual tem sido relativizada e relegada, quando muito, a segundo plano.

O bombardeio para desestruturar a base familiar vem de todos os lados. A banalização do sexo, o descompromisso com o matrimônio, a cobiça alimentada pelo consumismo desmedido, o “amor descontraído” (sem qualquer preconceito e compromisso), o enfraquecimento do poder paterno, tudo isso tem sido promovido de forma maciça pela mídia, referendado pela justiça e até mesmo por alguns setores religiosos. O efeito disso sobre a estrutura familiar tem sido desastroso.

É válido observarmos o contexto em que Neemias viveu e atuou, que nos oferece um cenário interessante para avaliarmos o que tem acontecido nos dias atuais em nossa sociedade. Quando Neemias voltou para Jerusalém, encontrou a cidade em total ruína. As muralhas tinham sido derrubadas e, por conseguinte, a destruição se abateu sobre a cidade desguarnecida. Penso que algumas muralhas que de alguma forma protegem nossa sociedade também estão sendo gradualmente destruídas.

Certamente, uma delas é a família estruturada e saudável. Dizem que a família é a célula mãe da sociedade, e de fato o é. Assim sendo, quando essa célula básica se encontra em um processo de deteriorização, todo o corpo caminha para a ruína. Quando observamos a corrosão moral e ética da nossa sociedade, resta-nos perguntar a quantas andam nossas famílias que também funcionam como uma espécie de muralha para nossa igreja. Se elas estão estruturadas e fortalecidas, nossa igreja também estará. Mas o inverso também é verdadeiro. Precisamos guardar as muralhas de nossa igreja e de nossas famílias.

Repare que os porteiros (guardas) colocados por Neemias não eram sacerdotes, mas gente comum, do povo. Outro ponto importante era que, além disso, cada um tinha seu posto de vigia diante de sua casa. Logo, para atingir o objetivo de proteger a cidade toda, cada um deveria proteger a sua família.

Que lição esse texto traz para nós! Para que nossa igreja esteja protegida dos ataques do inimigo e cresça forte e saudável, não é preciso que todos sejamos pastores, presbíteros, diáconos ou líderes; contudo, é imprescindível que cada membro e congregado de nossas igrejas coloque seu posto de guarda na frente de sua própria casa, guardando assim sua família.

Que, em todos os meses do ano, não apenas em datas e dias especiais, renovemos nossas forças para a árdua, porém nobre e gratificante tarefa de guardar a frente de nossas casas!

Eduardo Athouguia- Revista VIDA CRISTÃ - nº 239
Editor

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

UM PEQUENO OLHAR NA HISTÓRIA DA UHC


Por volta do ano de 1962, quando a União de Homens Evangélicos Congregacionais, da Igreja Congregacional de Campina Grande - Centro, deixou de existir por motivos ainda desconhecidos, houve uma imensa lacuna nesta Organização que durou cerca de 43 anos, até retornar às atividades no ano de 2005.  

Desde que ressurgiu há 10 anos, a UHC-Centro vem dando passos largos nos serviços prestados não só à igreja local, mas também pelos vários lugares por onde ela tem ido a serviço do Mestre. 

Isto porque a disciplina, as constantes atividades e o temor ao Senhor, por excelência, têm levado seus integrantes a sentirem mais apego pela causa, em favor do reino de Deus.

Atualmente a Diretoria da UHC-Centro - GESTÃO 2015, é formada da seguinte maneira: 

  • PRESIDENTE:  Diác. ORIEDI BARBOSA SANTANA
  • VICE-PRESIDENTE:  Diác. FÁBIO ROGÉRIO MACIEL SILVA
  • TESOUREIRO:  Diác. EDMILSON BARROS
  • SECRETÁRIO:  Ir. GIVANILSON FÉLIX DA SILVA
  • CONSELHEIRO Presb. FRANCISCO BETÂNIO DO NASCIMENTO
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O RESUMO DAS ATIVIDADES DE JULHO e PARCIAL DE AGOSTO - 2015 apresenta os seguintes números:

  • VISITAS AOS ENFERMOS E SEUS FAMILIARES ... 47
  • CULTOS EXTERNOS REALIZADOS ...................... 16
  • EVANGELIZAÇÕES DOS ATALAIAS DE JESUS ..... 03
  • ENTREGA DA SANTA CEIA NOS LARES .............. 04
  • RECONCILIAÇÕES .............................................. 01
  • CONVERSÕES .................................................... 01 (Para a Glória de Deus!!!)       
EQUIPE DE VISITANTES:  Presb. ARMANDO, Diác. BOSCO, Ir. ROBERTO, Ir. RAPOSO, Ir. NILSON,  Ir. BERTOLDO, Ir. JOÃO BATISTA, bem como algumas esposas, as Irmãs HELENA, OZANETE e Irmã GUIA.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

NA  U.H.C. ALÉM DAS VISITAS REALIZADAS NOS LARES E AOS ENFERMOS, SÃO FEITAS EVANGELIZAÇÕES NAS RUAS, HOSPITAIS E PRAÇAS PÚBLICAS , TODOS OS SÁBADOS À TARDE, BEM COMO SEUS INTEGRANTES PARTICIPAM DO CULTO MATUTINO, ONDE DEUS TEM ABENÇOADO A UNIÃO. E PENSANDO NO PRÓXIMO, SÃO FEITAS DOAÇÕES, TODOS OS MESES, DE 2 CESTAS BÁSICAS AOS MAIS CARENTES, E SÃO REALIZADOS CULTOS MENSAIS NAS SEGUINTES RESIDÊNCIAS:
  • Pr. GERSON – Malvinas
  • Pr. TENÓRIO – Sítio Bom Sucesso de Queimadas - PB
  • Presb. JOÃO MANOEL – Catolé
  • Ir. RAPOSO – CATOLÉ
  • Ir. AGRIPINO – Lagoa Seca - PB
  • CENTRO DE RECUPERAÇÃO HOMENS DE CRISTO – Lagoa de Roça – PB  - Todas as TERÇAS-FEIRAS à Noite, com Direção do Ir. RAPOSO. 

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

NOSSOS PARABÉNS AOS ANIVERSARIANTES DE AGOSTO DE 2015: 
  • DIA 04 – Diác. ORIEDI BARBOSA
  • DIA 04 – Ir. JONAS BEZERRA
  • DIA 04 – Ir. PAULO RICARDO
  • DIA 05 – Ir. ALCIDES CARDOSO
  • DIA 08 – Diác. JOÃO BOSCO
  • DIA 14 – Diác. JOSIAS DANTAS
  • DIA 15 – Presb. ESDRAS NUNES
  • DIA 20 – Ir. LUIZ GUIMARÃES

Clique Aqui para ouvir o “Parabéns pra VOCÊ!” (Tocado)

Feliz Aniversário!

 LEMA DA U.H.C.:
“PORTANTO, MEUS AMADOS IRMÃOS, SEDE FIRMES E INABALÁVEIS, 
SEMPRE CONSTANTES NA OBRA DO SENHOR, SABENDO QUE NO SENHOR, 
O VOSSO TRABALHO NÃO É VÃO”  
(1º Co 15:58)
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

CLIQUE NO LINK ABAIXO E CONFIRA OU IMPRIMA A PROGRAMAÇÃO DAS ATIVIDADES DA UHC-Centro para o mês de Setembro / 2015

=> UHC-Centro – Programação mês de Setembro de 2015

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Nota do Editor: Prezados irmãos, Esta Postagem foi realizada graças a eficiente atuação do 
Secretário da UHC, Givanilson Félix da Silva (irmão Nilson), a quem creditamos as informações 
acima Postadas.
                                                                                                                                                     O Editor



“Profundidade em Deus requer uma vida de busca. (Daniel 1:8)” – Palavra Pastoral – Boletim 1034 – 09/Agosto

destaque

Conhecer a Deus mais profundo traz experiência que nunca experimentamos.
– Não há como aprofundar-se em Deus sem buscá-lo.
– Daniel e seus amigos mantinham um relacionamento constante com Deus.
Um relacionamento com Deus é refletido muito mais no dia a dia do que na Igreja. Daniel 1:7-9.
Seus nomes tinham significados que representavam suas origens. – Daniel: DEUS É MEU JUIZ – Hananias: COMPAIXÃO DE DEUS – Misael: QUEM É COMO DEUS – Azarias: AQUELE QUE O SENHOR AJUDOU.
Daniel e seus amigos mantiveram suas convicções, mesmo estando sob um governo que não tinha Deus como Senhor.
Mesmo tendo seus nomes mudados, a firmeza do coração de cada um deles eram as mesmas. Beltessazar: Protege a Vida do Rei “Sadraque: Amigo do Rei Mesaque: Quem é como Açu (deus babilônico).
Abednego: servo de nego (deus babilônico). Sadraque e seus amigos tinham convicção do que queriam. Daniel 1:8
não se contaminouE Daniel propôs no seu coração não se contaminar com a porção das iguarias do rei, nem com o vinho que ele bebia; portanto, pediu ao chefe dos eunucos que lhe permitisse não se contaminarConhecer a Deus mantem firmeza de sua vida com ELE.
Uma relação profunda com Deus gera no mundo desconforto. Daniel 3:12,13 – Há uns homens judeus, os quais constituíste sobre os negócios da província de Babilônia: SadraqueMesaque e Abednego; estes homens, ó rei, não fizeram caso de ti; a teus deuses não servem, nem adoram a estátua de ouro que levantaste.
A atitude firme não cede aos caprichos do mundo faz com que aqueles que estão no mundo se sintam incomodados por não mudarem nossa opinião e firmeza diante do que eles propõem.
sadraqueUma relação profunda com Deus firma nossa fé diante da provaçãoDaniel 3:13-15.
Mesmo que as provações sejam grandiosas, uma relação profunda com Deus nos traz segurança e fortalecimento para enfrentarmos todas elas. Sadraque e seus amigos tinham estes sentimentos,mesmo diante da morte eles não recuam.
Quando estamos aprofundados em Deus certamente experimentaremos:
– Situações fora do comum (não foram mortos quando foram jogadosDaniel 3:19-22.
Nabucodonosor manda aquecer a fornalha sete vezes mais, manda jogá-los e o inesperado acontece, não estão mortos e nem queimadosQuando nos aprofundamos em Deus vivenciaremos o fora do comum.
– Situações que fogem do natural (estavam desatados pois a única coisa que queimou foram as cordas que os prendiam).
Daniel 3:23.
daniel3eE estes três homens, SadraqueMesaque e Abednego, caíram atados dentro da fornalha de fogo ardente. Esta foi a situação delesestavam dentro da fornalha desatados, e é lógico que cordas são mais resistentes do que os fios de cabelos de qualquer parte do corpo, porem, quando Deus é vivenciado em nossa vida, os nossos fios de cabelos se tornam mais resistentes do que o que se opõem a nós.
Estavam andando dentro da Fornalha, Daniel respondeu, dizendo: Euporém, vejo quatro homens soltos, que andam passeando dentro do fogo, sem sofrer nenhum dano; e o aspecto do quarto é semelhante ao Filho de Deus.
Quando nos aprofundamos em Deus experimentaremos:
Situações que fogem a lógica humana (suas roupas não foram queimadas e nem havia cheiro). Daniel 3:27.
Quando Sadraque e seus amigos foram retirados da fornalha nada, mas nada mesmo foi afetado, nem seus corpos, nem suas roupas e nem cheiro de fumaça ficou em seus corpos e suas roupas.
A relação profunda com Deus gera o reconhecimento do inimigo: ‘Então o rei fez prosperar a Sadraque, Mesaque e Abednego, na província de babilônia.’
O mundo quando olha para um servo verdadeiro de Deus reconhece o seu andar, sua fala, sua postura, sua maneira de olhar, seu caráter tudo é avaliado e nessa avaliação certamente o reconhecimento de que é um servo de Deus.
Mantenha uma relação sempre próxima com Deus e não tenha medo de ir profundo no conhecimento e na experiência com ELE.

Pr. André Moraes

Editor



“Principais Celebrações que Manifestam Gratidão a DEUS”

destaque_festa_tabern_1

Adoção ou Festa dos Tabernáculos – Esta era a terceira maior festa anual judaica, com duração de 7 dias, celebrando a colheita. Lembrava a viagem pelo deserto rumo a terra prometida, durante a qual os israelitas viveram em tendas.

No tempo de Jesus, essa festa incluía tirar água de um tanque em Jerusalém como lembrança da falta d’água no deserto. “No último dia da festa Jesus levantou-se e exclamou: Se alguém tem sede venha a mim e beba” (João 7:37-39).

tendasA festa dos tabernáculos era também chamada de ‘Festa das barracas das colheitas’.

No início desse festival ajuntavam-se ramos com os quais se faziam abrigos (como tendas e barracas). Desta maneira, as pessoas repassavam sua história e lembravam-se da providência divina. Apesar de haver registros da celebração desta festa durante o Antigo Testamento, tudo indica que em alguns anos não teria sido celebrada.

Páscoa – Era celebrada em apenas um dia (Levítico 23.5). Quando Deus poupou a vida dos primogênitos israelitas no Egito e os libertou da escravidão (lembrava o povo da libertação efetuada por Deus).

Pães Asmos – Era celebrada durante sete dias (Levítico 23.6-8). Lembrava o êxodo do Egito. O povo de Israel carregava na memória o dia que estava deixando para trás a velha vida no Egito e ingressando no caminho da terra de Canaã (um novo modo de vida).

Primícias – Duração: 1 dia (um dia). Levítico 23.9-14. Celebrando os primeiros frutos da colheita de centeio lembrando como Deus supria as necessidades.

Pentecostes – (Colheita) durava um dia (Levítico 23.15-22). Era o fim da colheita de centeio e o início da colheita de trigo – Mostrava alegria e gratidão em face a abundância da colheita.

Trombetas – Durava um dia (Levítico 23.23-25). Era o começo do sétimo mês. Expressava gratidão a Jeová.

Dia da Expiação – Durava um dia (Levítico 23.26-32). Significa que com a ação sacerdotal havia a remoção dos pecados das pessoas e da nação. Significava restauração e comunhão com Deus.

Tabernáculos  Durava sete dias (Levítico 23.33-43). Exaltava a proteção e liderança de Deus no deserto. Significava a renovação e comprometimento de Israel com Deus e confiança na liderança e proteção de Deus.

Rev. Samuel Dionísio de Veras

Editor



UHC - Festividade de seus 9 anos - 14/12/2014

Neste último Domingo, dia 14 de Dezembro de 2014, a União de Homens Congregacionais (UHC) realizou a Festividade em comemoração aos seus 9 anos de Fundação, tanto na EBD como no Culto à Noite.

O Tema foi "RESGATANDO O EVANGELHO DA CRUZ". O preletor foi Pr. Eli Silva (IE Congregacional, na cidade de Esperança - PB) que pregou a Palavra na Escola Bíblica Dominical, pela manhã.

À noite o Preletor foi o Pr. Sérgio Paulo, da 1ª Igreja Congregacional em João Pessoa - PB. O Pastor Sérgio é o presidente da Aliança das Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil (AIECB).
Abaixo Fotos do Culto dos 9 Anos da UHC.

À esquerda, o Pres. da UHC, Diác. JOSÉ ANTÔNIO dirigiu o Culto. À direita, o Pianista JESSÉ DE OLIVEIRA BRITO
Veja Abaixo Fotos do Culto dos 9 Anos da UHC
















Antes de adentrar ao Templo, o Grupo LEVITAS SENHOR reuniu-se em sala especial para orar e buscar a presença de Senhor naquele Culto do Domingo a noite, dia 14/12/201
               



Culto de Domingo/Noite/Participações- Diác. José Antônio (Direção do Culto - igreja local); / - Grupo Adonai (local); / - Evangelista Jessé Brito (Pianista); / - Rev. André Morais (Pr. auxiliar - local); / - Pr. Euder Faber (Pres. Consciência Cristã); / - Presb. Esdras Vieira (Dirigiu hinos do SH com o Diác. Giuliano Herbet); / - Conjunto Divino Louvor (local); / - Conjunto Cântico de Davi (1ª IE Cong. - J. Pessoa-PB); / - Pr. Samuel Dionísio (Igreja local); / - Preletor Pr. Sérgio Paulo (1ª IE Cong. - J. Pessoa-PB).
Veja No Vídeo Abaixo, Palavras iniciais do Pres. da UHC, Diác. José Antônio, seguida de uma oração pelo Pr. Aux. André Moraes                           
No Vídeo Abaixo, Hino "Serviço do Crente" - do Salmos e Hinos n.º 440 - com o Presb. Esdras Vieira e o Diác. Giuliano Herbet

                      
No Vídeo Abaixo, Palavras do Regente do Grupo Levitas do Senhor, Diác. Oriedi Barbosa. Em seguida o Grupo cantou o hino "EU QUERO ALMAS" - de Nani Azevedo...
                      
OBS.: Como o Hino "EU QUERO ALMAS" foi interpretado pelo Grupo Levitas do Senhor, e ele tem Direitos autorais, o Sistema acusou "CONTEÚDO DE TERCEIROS". Por isso, disponibilizamos o Vídeo com o Hino Oficial da Central Gospel Music.
O Grupo LEVITAS DO SENHOR, em noite de Festa, louvou a Deus pelos 9 Anos da UHC
No Vídeo Abaixo, Grupo Adonai - e os detalhes instrumentais                         
Com carinho, O Editor

Nenhum comentário: